Uso do Pêndulo

 

pendulos

Um pêndulo pode ser feito de ouro, prata, cobre, bronze, madeira ou cristal.

Os mais comuns, obviamente, são de madeira, cobre e cristal, cada um deles, pode ser utilizado de forma e para finalidades diferentes.

Os pêndulos de cristal, podem ser programados para o uso específico que se pretende.

O pêndulo de madeira cônico com a ponta fina, é o ideal para os iniciantes, por ser mais prático e leve.

A tensão muscular, pode prejudicar o trabalho, portanto, é importante ter o corpo e o braço relaxados e a mente serena ao praticar com o pêndulo.

O pêndulo pode se movimentar de três maneiras diferentes: em movimento circular, em movimento elíptico ou em linha reta.

Qualquer objeto sobre o qual se queira usar o pêndulo, deve ser antes purificado de qualquer radiação estranha para não causar interferência. 

Os pêndulos são utilizados para se obter respostas, diagnósticos, para limpeza, ativação energética e para trabalhos de cura.

É também extremamente útil para se obter informações seguras sobre o desenvolvimento espiritual e também a conexão com o Anjo da Guarda, Mentor ou Guia.

Gráfico de proteção

9circulos

Gráfico Nove círculos, usado para proteção de:

seres vivos, bens materiais e locais

Antes de usar, ativar o testemunho, ou seja,  uma foto ou nome completo e idade escritos a lápis em papel branco, endereço, no caso de ser um local, num decágono:

decágono

Deixe o testemunho no centro do Decágono e ative com o pêndulo, assim que o pêndulo parar, a energia foi captada, então, transfira o testemunho para o gráfico Nove círculos e volte a ativar com o uso do pêndulo. Pergunte por quanto tempo o testemunho deve permanecer no gráfico. Diariamente volte a energizar o trabalho até o término. 

Radiestesia origem

forquilhas

A ORIGEM DA RADIESTESIA

Ciência oriunda da antiga Rabdomancia (palavra de origem grega – rhabdos –vara, manteia – adivinhação) que em princípio era usada na procura de água e jazidas minerais, através de uma forquilha confeccionada de galho de árvore.

No final do século XVIII, apesar de inúmeras referências de povos antigos no uso de instrumentos parecidos, reafirma-se como principal instrumento radiestésico , o pêndulo.   

    Em 1892 o Abade Alexis Bouly criou o termo Radiestesia (do latim radium = raio, e do grego aesthesis = sensação) com o qual apresentou seus trabalhos no “I Congresso Internacional de Radbomantes”, em Paris (1913).

O QUE É RADIESTESIA? 

   pendulos

A Radiestesia detecta as tendências predisponentes a determinados desequilíbrios , e quer dizer literalmente – sensibilidade às radiações.  

Segundo um radiestesista inglês chamado Malcon Rae, a radiestesia faz uso da faculdade supra-sensorial do tato. As respostas se originam do inconsciente ou subconsciente do próprio operador.

O pêndulo e outros instrumentos radiestésicos servem , através de movimentos pré – definidos, de tradutores do inconsciente. O radiestesista pode ser considerado como um sensibilíssimo ressonador – oscilador capaz de funcionar em variadíssimas faixas energéticas emanadas tanto do Macrocosmo quanto do Microcosmo.

  Em princípio, a Radiestesia não necessita nenhum tipo de evocação ou invocação espiritual, meditação, mentalização, ritual ou temores; mas sim de trabalho, pesquisa e prudência.

RADIESTESIA DE ONDAS DE FORMA

Prática radiestésica associada ao fenômeno de emissão devidas às formas, introduzida por pesquisadores franceses na década de 30.

RADIÔNICA

Conceito de emissão e recepção à distância, aplicado à radiestesia ,com o uso de aparelhos específicos.