Aventurina

q verde

Também conhecida como Quartzo Verde ou Quartzo Aventurino.
Alivia o estresse, restaura o equilíbrio emocional, promove independência e aguça a clareza mental.
Purifica os corpos mental, emocional e etéreo.
Ajuda a libertar a ansiedade e o medo.
Estimula o tecido muscular e fortalece o sangue. Dá saúde e bem estar.
Fortalece a visão, estimula a criatividade e a inteligência.
Em magia, é usada para atrair sorte e dinheiro, além de saúde e bem estar.
Acalma o coração quando confuso, neutralizando emoções e dando e equilíbrio. Pode ser usada para qualquer doença, seja mental, emocional ou física. Sendo da família do quartzo, tem uma carga dinâmica que dá o poder de dissolver pensamentos e sentimentos não saudáveis, ajudando a curar o problema físico relacionado com esses pensamentos e sentimentos.
(texto extraído do livro ” O Caminho das Pedras” , de Antônio Duncan)

Quartzo Rosa

quartzo rosa

Pedra do chacra cardíaco. Representa o amor incondicional e acende a chama rosa desse amor nos corações. Através de sua suave emanação, estimula a essência amorosa, a lembrança do propósito, despertando no centro do ser esse amor, sem cobranças, sem culpas ou mágoas, sem posse e sem medo, o amor a todos os aspectos do ser e do universo, um amor com perdão, consciência e compaixão. Munido desta energia, o indivíduo  está pronto para expandi-la e para criar uma nova realidade em sua vida e no universo. O quartzo rosa ensina o poder do perdão e reprograma o coração a amar-se, auxiliando a construção e manutenção da autoaceitação, da autoestima e do autovalor.

Citrino

citrino
Grande equilibrador emocional, acalmando e aliviando condições de distúrbio.
Limpa, purifica e energiza o plexo solar, ao mesmo tempo removendo medos e facilitando a percepção psíquica.
Fisicamente, pode ser usado no tratamento de qualquer problema do sistema digestório, inclusive prisão de ventre e diabetes. Alivia a depressão e o estresse emocional. Equilibra as emoções para que se possa ter maior clareza de pensamento. Dá maior poder à vontade e maior clareza à intenção. Através do plexo solar, alinha todos os chakras com o plano etérico. Simboliza a luz do sol nascente, e por isso é extremamente benéfico para ser usado no início de um ciclo, de um projeto ou de uma nova fase.
(Do livro “O Caminho da Pedras” de Antônio Duncan)

Água marinha

agua marinha

Sua energia representa a capacidade de verbalização, a expressão da verdade interior e universal através do poder da palavra falada. Relaciona-se também intimamente com a essência angélica de cada ser, trabalhando a pureza, a inocência, a clareza de visão e a compreensão sensível. Tem efeito equilibrador em todos os níveis, estabilizando os corpos emocional, mental e físico. Fisicamente, sua purificação tem grande efeito em todo sistema respiratório superior e nos órgãos da fala. Ajuda a combater congestões e infecções de garganta, problemas de tiróide, dificuldades respiratórias como rinite, asma, bronquite, rouquidão, problemas nas cordas vocais, febres e pressão alta. Seu uso é particularmente recomendado a pessoas que utilizam muito a voz, como cantores, locutores, professores, atores e oradores.

( livro O Caminho das Pedras de Antonio Duncan)

Uso do Pêndulo

 

pendulos

Um pêndulo pode ser feito de ouro, prata, cobre, bronze, madeira ou cristal.

Os mais comuns, obviamente, são de madeira, cobre e cristal, cada um deles, pode ser utilizado de forma e para finalidades diferentes.

Os pêndulos de cristal, podem ser programados para o uso específico que se pretende.

O pêndulo de madeira cônico com a ponta fina, é o ideal para os iniciantes, por ser mais prático e leve.

A tensão muscular, pode prejudicar o trabalho, portanto, é importante ter o corpo e o braço relaxados e a mente serena ao praticar com o pêndulo.

O pêndulo pode se movimentar de três maneiras diferentes: em movimento circular, em movimento elíptico ou em linha reta.

Qualquer objeto sobre o qual se queira usar o pêndulo, deve ser antes purificado de qualquer radiação estranha para não causar interferência. 

Os pêndulos são utilizados para se obter respostas, diagnósticos, para limpeza, ativação energética e para trabalhos de cura.

É também extremamente útil para se obter informações seguras sobre o desenvolvimento espiritual e também a conexão com o Anjo da Guarda, Mentor ou Guia.

Tabela de Pitágoras

 

A Numerologia Pitagórica é uma ciência desenvolvida há muitos anos, contendo traços de misticismo e certa religiosidade. .

Devido à facilidade com que se desenrola e se estabelece, este é um dos ramos mais conhecidos e usados da Numerologia. 

A missão de Pitágoras foi, então, traduzir o valor alfabético de cada letra em um valor numérico. Posteriormente, transformou os valores numéricos obtidos em significações místicas, que revelavam conselhos divinos à humanidade.

Para Pitágoras, os números eram como uma chave secreta para a vida espiritual, e aqueles a quem ela pertencesse seriam capazes de experimentar uma orientação direta de Deus em suas jornadas pela Terra.

A numerologia desenvolvida pelo filósofo Pitágoras, é baseada em observações e estudos científicos através da Matemática e seus segredos, demandando experiência e prática de quem a exercita.

 

Para o estudo pitagórico de um mapa numerológico, é necessário o acesso a uma Tabela Pitagórica de conversão. Nesta tabela, cada letra corresponde a um algarismo compreendido no intervalo de 1 a 9. 

Tabela pitagórica

Fases da Lua

  A Lua recebe a luz do Sol que é refletida sobre a terra emitindo energia, força de gravidade, a qual atua sobre as plantas, animais, água e terra.

Os antigos observaram o grande impacto das fases da Lua sobre as marés, a agricultura e até no humor das pessoas.

Cada fase da Lua é própria para algo.

A cada sete dias, a lua tem uma fase, e cada fase tem diferentes níveis de influência.

 A Terra tem força gravitacional suficiente para manter um satélite do tamanho da Lua em sua órbita. Ao girar em torno do nosso planeta, a Lua também atrai a Terra, mas com muito menos intensidade.

A força gravitacional lunar é baixa para mover o corpo sólido da Terra, mas sua composição líquida – a saber, os oceanos – é impactada.

Maré alta, maré baixa

O movimento de rotação faz com que metade do planeta esteja sempre voltado para a Lua.

Assim, o oceano que estiver de frente para o satélite estará em maré alta, assim como o lado exatamente contrário a ele. Nos intervalos entre as marés altas, claro, o volume de água é menor, portanto, maré baixa.

 As fases Lua também afetam os ciclos menstruais, o humor, a pesca, a agricultura e também os trabalhos espirituais e energéticos.

Lunação é o intervalo entre uma Lua Nova e a outra Lua nova, período que tem a duração de 29 dias 12 horas, 44 minutos e 2,9 segundos.

Um ótimo exercício é usar o ciclo de cada Lunação para ativar uma área da vida, para isso, é preciso saber em qual casa e signo a Lua se apresenta no Mapa Natal e então, comparar com a posição da Lua que está no céu no momento. 

Lua Nova 

lua nova

Na verdade, no primeiro dia de Lua nova é o momento no qual não vemos a Lua no céu, também conhecida como Lua negra, este dia específico é de recolhimento e meditação. 

Entretanto, nos dias posteriores, quando Lua começa a surgir como uma foice brilhante, aí sim, será hora de plantar as novas sementes.

  Tudo o que desejamos colher, é preferível plantar nos primeiros dias da Lua Nova.

Toda operação mágica de ordem elevada, como preceitos, batismos, afirmações, confirmações diversas, certos trabalhos para fins materiais, que envolvam oferendas, confecções e preparações de guias ou colares, objetos mágicos, oráculos, talismãs e amuletos.

Início de ciclo de orações ou decretos, preparação para uma nova fase tanto material, emocional e espiritual.

Lua Crescente

lua crescen

Momento de nutrir tudo que foi plantado na Lua Nova.

 Propícia aos rituais de crescimento e atração.

 Rituais que tenham por objetivo aumentar o que se deseja, bom para engravidar e para melhorar as relações familiares, assim como para o fortalecimento das amizades e dos relacionamentos, amor, sensualidade e sentimentos, harmonização das situações e dos ambientes, boa sorte, negócios e prosperidade devem ser realizados durante esse período, assim como trabalhos espirituais de proteção, fartura e saúde.

Lua Cheia

lua cheia

Quando a Lua resplandece no céu.

Se a Lua nova é como a jovem que engravida e Lua Crescente é quando a barriga cresce, a Lua cheia é como a mulher grávida, prestes a dar a luz, momento de agradecer, de contemplação e de trabalhar a gratidão.

Ela oferece um momento de pico de energia, uma alta repentina que dura apenas um ou dois dias.

É um momento de prosperidade, apropriado para agradecermos pelas graças alcançadas e comemorar a bênção que é estarmos vivos.

Como a energia da Lua cheia é muito forte, também permite imantarmos objetos, pedras e cristais, os amuletos confeccionados na Lua nova.

Entretanto, pode também mexer com o humor, trazendo impulsividade, irritabilidade e explosões tanto de alegria como de raiva.

Muitos partos de meninas são esperados da Lua cheia, enquanto que os de meninos, em geral, na Lua nova.

Lua Minguante

lua mingua

Lua na fase Minguante é como a mulher que despejou o produto de sua fecundação, isto é, esvaziou todo o seu conteúdo. 

Seus fluidos, além de estarem fraquíssimos, estão carregados de elementos sutis e deletérios, que serão purificados nas águas, quer nas que vem de cima, do éter, quer nas fixas, existentes na terra, nos mares, rios e lagos. Desta forma, serão renovadas e transformadas.

Quando a Lua mingua, até os próprios vegetais se ressentem de sua seiva, porque recebem sobre ela seus fluidos mais enfraquecidos.

Também quanto às ervas terapêuticas ou mágicas nessa fase não devem ser colhidas nem usadas para nenhuma finalidade mediúnica.

É momento de recolhimento, em que essa energia começa a baixar. Isso não significa que seja uma época ruim, pelo contrário; é quando fazemos nossa “faxina” interior, quando nos concentramos em afastar tudo que nos faz ou fez mal, tudo que é negativo.

Época propícia para defumação de ambientes, do uso de banhos de limpeza e também do descarte da sobra dos trabalhos energéticos e espirituais em água corrente.

A limpeza das energias ruins é tão importante quanto a reposição das energias boas. É tempo para  a auto análise, de reflexão sobre seus pensamentos, atitudes e tudo aquilo que  nos cerca, hora de cortar tudo o que nos faz mal ou prejudica, como ao podar uma planta.

 

Chakras

     Segundo as antigas escrituras indianas, Prana, é o sopro de vida, energia vital universal que permeia o cosmo e é absorvida pelos seres vivos através do ar que respiram e também dos chakras. No ocidente, conhecida como energia cósmica ou força etérica.

Chakras são rodas, ou vórtices que, absorvem o Prana no indivíduo o qual é distribuído no corpo, na mente e no espírito. São milhares de pontos energéticos que ligam os corpos: físico- energético- espiritual.

corpo energético

Os chakras sempre foram ligados à história do yoga, e as primeiras citações desses centros de energia podem ser encontradas nos Vedas, que são os escritos mais antigos da tradição indiana.

Esses manuscritos, por sua vez, derivam de uma tradição oral que foi trazida para a Índia por uma tribo indo europeia que invadiu a Índia no segundo milênio AC.

Dizem que eles invadiram a Índia a bordo dos coqueiros e que o termo “chakra” se referiria às rodas desses coqueiros. Depois dos Vedas, é possível encontrar referências dos chakras nos Upanishads, por volta de 600 AC.

Esses também são ensinamentos que foram transmitidos de mestre a discípulo, quando foram então escritos.

Por serem considerados núcleos energéticos que podem ser vistos por clarividentes desenvolvidos, acredita-se que estes conhecimentos tiveram origem em algum ou alguns grupos, muitos anos antes dos primeiros registros escritos, onde havia um ou mais clarividentes capazes de observar estes pontos e estudá-los.

Mais tarde, encontramos referência dos chakras no Yoga Sutras de Patanjali, um dos textos clássicos do yoga, que foi escrito por volta de 200 a.C.

Toda a fisiologia do yoga é baseada na existência de um corpo energético que, por sua vez, contém os nadis e os chakras. A energia flui pelo corpo através dos nadis, que são milhares e que podem ser comparados de alguma forma aos meridianos da medicina chinesa.

corpo energetico

Todos os nadis acabam na coluna vertebral, que é o canal de energia por excelência.

Aqui a energia flui através dos três principais nadis: ida, pingala e sushumna.

Sushumna-Ida-y-Pingala-Nadis-500x296

Os chakras estão na coluna e são centros onde a energia é armazenada e redistribuída. No nível físico, os chakras correspondem a gânglios nervosos, onde existe um alto grau de atividade nervosa, e glândulas do sistema endócrino.

Os principais, são 7  e cada um deles é representado por uma flor de lótus.

chakras flor de lotus

 Primeiro Chakra: Básico ou Raiz – Sobrevivência

Muladhara  – Base e Fundamento 

primeiro chakra

Localiza-se na  base da coluna

Elemento – Terra

Cor – Vermelha

Lótus de 4 pétalas

Mantra – LAM

Glândula –  Supra renais, responsáveis pela produção de adrenalina, hormônio que é liberado na corrente sanguínea que tem a função de atuar sobre o sistema cardiovascular e manter o corpo em alerta para situações de fortes emoções ou estresse como luta, fuga, excitação ou medo.

Parte sólida do corpo: Ossos, músculos, intestino grosso.

Está voltado para o solo

Relaciona-se aos medos mais primitivos.

 

 

Segundo Chakra: Gênito-urinário – Sexualidade

Svadhisthana – Morada do Prazer

segundo chakra

Localiza-se abaixo do umbigo

Elemento – Água

Cor – Laranja

Símbolo – Lótus de 6 pétalas

Mantra -VAM

Glândulas – Testículos e Ovários que são responsáveis pela reprodução e sexualidade, influencia o prazer, a sexualidade, as emoções e as sensações.

Regula todos os processos em que líquidos estão envolvidos, circulação do sangue, produção e eliminação da urina, reprodução e sexualidade.

Está voltado para frente e para trás

Expressão da Criatividade

Terceiro Chakra – Umbilical – Poder

Manipura –Cidade das Joias

terceiro chakra

Localiza-se na região entre o umbigo e plexo solar

Elemento . Fogo

Cor – Amarelo

Símbolo – Lótus de 10 pétalas

Mantra – RAM

Glândula – Pâncreas- Responsável pelo metabolismo de todo sistema digestivo

Centro das emoções densas, que se unem ao processo de Alimentação/Digestão, relaciona-se com nosso apetite e a forma como digerimos tanto alimentos como questões emocionais.

Está voltado para frente e para trás

Centro da vitalidade e da vontade.

Quarto Chakra –  Cardiorrespiratório – 

Anahata – Câmara secreta do coração

quarto chakra

Localiza-se no centro do peito

Elemento – Ar

Cor . Verde

Símbolo: Lótus de 12 pétalas

Mantra: YAM

Glândula – Timo – sistema imunológico . glândula da felicidade. A palavra timo tem origem do grego thúmon, que significa alma, espírito, coração, emoção, afetividade. 

Centro de força responsável pela energização do sistema cardiorrespiratório., canal de movimentação dos sentimentos.

Está voltado para frente e para trás.

A Conciliação- O Perdão – A Compaixão –A Fraternidade- O Amor próprio- O Merecimento

Quinto Chakra – Laríngeo

Visuddha – O Centro da vontade

quinto chakra

Localiza-se no centro da garganta

Elemento – Éter – É o mais fino dos elementos e só podemos perceber sua manifestação que ocorre através das vibrações. Por essa razão, o sentido associado a este chakra é a audição graças a qual percebemos o éter que vibra.

Cor – Azul

Símbolo – Lótus de 16 pétalas

Mantra – HAM

Glândula – Tireoide –  Paratireoide – estão envolvidas em todos os processos regulados por essa glândula, como a regulação do cálcio, peso corporal, humor, preguiça, apetite, cansaço e sono.

Saúde da garganta, pescoço e audição.

Está voltado para frente e para trás.

Purificação

Sexto Chakra – Terceiro Olho – Frontal

Ajna – Mando – O Conhecimento do Ser

sexto chakra ok

Localiza-se no centro da testa

Elemento – Éter –  Luz através da qual enxergo o mundo

Cor  – Índigo

Símbolo – Lótus de 96 pétalas

Mantra – OM e KSHAM

Glândulas – Pituitária/Hipófise glândula muito pequena, mas também muito importante, controla  a função da maioria das outras glândulas endócrinas e, por isso, às vezes, é chamada glândula mestra.

 Localizada na base do cérebro que tem a função de regular o trabalho das glândulas suprarrenal, tireoide, testículos e ovários, produzir o hormônio importante para a lactação (prolactina), o hormônio do crescimento, o hormônio antidiurético e o hormônio chamado oxitocina, importante para o trabalho de parto.

Está voltado para frente e para trás.

Rege a Intuição, memória, imaginação, conexão, mediunidade.

Sétimo Chakra – Coronário – Topo da Cabeça

Sahasrara – Consciência Cósmica – A Flor das mil pétalas

setimo chakra

Localiza-se no topo da cabeça

Elemento – Sabedoria Divina

Cor – Violeta/Branco

Símbolo – Lótus de mil folhas

Mantra – AUM

Glândula – Pineal – Localiza-se no centro da nossa cabeça, bem no meio do cérebro, é uma estrutura do tamanho de uma semente de laranja. O filósofo francês René Descartes (1596-1650) considerava a morada da alma, e os hindus, a sede do sétimo chacras, o mais importantes do corpo. Além disso, produz melatonina, um hormônio essencial para a  saúde que regula principalmente o sono e a vigília.

Está voltado para cima

Centro da iluminação, da conexão com a divindade.

Decreto da Chama Verde

chama verde

Poderosa Chama Verde da Cura, envolve-me em tua Luz,

penetra em todas as células do meu corpo

Agora sinto a Luz calma e curadora nos meus órgãos e no bater rítmico do meu coração

Sinto a vibração suave e harmoniosa nos dedos de minhas mãos e dos meus pés

Meu cérebro está sendo inundado de cura

Sinto-me envolvido na poderosa Chama Verde da Cura e Verdade

E agora envio para todas as pessoas para abençoar a vida.

Em nome de meu Divino Eu Superior, apelo à Chama Verde da Cura e Verdade.

Carregai com vossas forças curadoras  os meus centros nervosos e todas as células de meu corpo.

Poderoso Eu Superior, assumi o poder sobre o meu eu externo e ajudai-me a absorveras forças de cura em  toda a sua potencialidade.

Assim seja !

Equinócio e Ano novo Astrológico

equinócio 1

  A 20 de Março, a Zero Graus de Áries, tem início o Equinócio de Primavera no Hemisfério Norte e de Outono no Hemisfério Sul, quando dia e noite tem o mesmo número de horas.

É quando entra o Signo de Áries, que com sua força impulsiona a semente do Novo Ano Astrológico.

Neste novo ano, Saturno e Júpiter, no signo de Aquário, seguem ampliando e modernizando os sistemas e a tecnologia, cursos online, novas redes sociais, o desejo de comunicação para grandes grupos, interação com pessoas e causas sociais.

Mas também radicalismos, polarização, impaciência e agitação.

A quadratura Saturno e Urano traz resistência às mudanças, dificuldades nas relações, o pensamento e atitudes conservadoras versus a renovação, a mudança.

O sentimento de solidão pode também estar presente, portanto, é hora de aprendermos com os exemplos da natureza.

Que o equilíbrio do Equinócio nos traga serenidade e sabedoria.

Parabéns aos Arianos!

%d blogueiros gostam disto: